[Fátima, 7 de março de 2022]

Alguns assuntos abordados na reunião do Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa, que decorreu em Fátima no dia 7 de março de 2022, antes do início do Retiro do Episcopado, orientado pelo Cardeal Ricardo Blásquez Pérez, Arcebispo de Valladolid:

1. O Conselho condena veementemente a guerra na Ucrânia e deseja o rápido restabelecimento da paz nesta região, convidando todos os cristãos a continuar a rezar por esta intenção. Apela a que se dê todo o apoio às famílias ucranianas em Portugal no acolhimento dos seus familiares e pede às famílias cristãs para acolher e apoiar os refugiados provenientes da Ucrânia. O Conselho insiste ainda na união, solidariedade e partilha efetiva para com o povo ucraniano através das Cáritas e de outras instituições da Igreja, em articulação com organismos como a Plataforma de Apoio aos Refugiados.

2. O Conselho das Conferências Episcopais da Europa (CCEE) promoveu uma rede de oração de todas as conferências episcopais da Europa (“A Igreja em oração pela paz na Ucrânia e pelas vítimas da Covid”), iniciativa que está a decorrer ao longo da Quaresma, ficando Portugal responsável pela oração do dia 29 de março. Pede-se a todas as comunidades cristãs que tenham esta intenção nas suas orações durante a Quaresma, particularmente nesse dia. Como sinal concreto, sugere-se que na Oração dos Fiéis da celebração eucarística se incluam as seguintes preces:

–   Pelo povo ucraniano, perseguido na sua terra e disperso pelo mundo,
      para que o Senhor atenda as nossas prece
      e os esforços das pessoas de boa vontade
      e lhe conceda a paz e o regresso a suas casas, oremos. 

–   Pelas vítimas da Covid e dos tempos de pandemia,
      para que o Senhor atenda as nossas aflições e angústias,
      conceda o eterno descanso aos que morreram,
      conforto aos que choram, cura aos doentes, paz aos moribundos,
      força aos que trabalham na saúde, sabedoria aos nossos governantes
      e coragem para vencermos esta provação, oremos.

3. O Conselho congratulou-se com o bom andamento da JMJ Lisboa 2023, atualmente na fase de peregrinação dos Símbolos pelas Dioceses, e especialmente com a mensagem que o Santo Padre dirigiu hoje aos jovens: “Queridos jovens, estou a olhar para agosto de 2023! A um ano e alguns meses… Estou a olhar para Portugal, estou a olhar para Lisboa, estou a olhar para Fátima, estou a olhar para o encontro de todos vós. (…) No meio de todas estas crises, vós tendes de preparar e ajudar para que o evento de agosto de 2023 seja um evento jovem, um evento fresco, um evento com vida, um evento com força, um evento criativo. (…) Rezo para que este encontro seja um encontro fecundo. Que cada um de nós saia melhor do que chegou. Peço-vos, por favor, que rezeis por mim, porque eu também preciso que me sustenteis com a oração. Que Jesus vos abençoe e a Virgem cuide de vós! Até agosto!”

4. O Conselho aprovou a agenda da próxima Assembleia Plenária da CEP (Fátima, 25-28 de abril de 2022), a qual será divulgada uma semana antes do início dos trabalhos, e a alteração dos Estatutos da Obra Católica Portuguesa de Migrações.