Foi com tristeza que recebemos do Superior Local, o Padre Luís Manuel Alvarez Garcia, a notícia de que os Padres dos Sagrados Corações, depois de tantos anos em Portugal, deixarão Portugal nos primeiros dias de outubro.

A Direção da CIRP agradece o prestimoso serviço prestado por esta Congregação à Igreja em Portugal. Não esquecemos a presença dos Padres dos Sagrados Corações na periferia da grande Lisboa, nos bairros mais pobres onde, vivendo no meio dos necessitados foram a voz do Evangelho de Jesus Cristo. A voz inconfundível do Padre Dâmaso Lambers ainda ecoa nos nossos ouvidos, tantas foram as reflexões difundidas pela Rádio Renascença e o prestimoso serviço pastoral nas prisões como Capelão onde é recordado com saudade. Muitas foram as Missões Populares, a colaboração na introdução dos Cursilhos de Cristandade em Portugal, os serviços em tantas paróquias, as mais variadas que seria ingrato deixar partir estes nossos Irmãos Religiosos sem uma palavra de apreço e gratidão e formular votos de que quando menos esperarmos voltar a contar com a Vossa Congregação ao serviço da Igreja em Portugal.

Que os Sagrados Corações de Jesus e de Maria abençoem e protejam sempre a Vossa Congregação. Nós ficamos a orar por Vós e contamos igualmente com a vossa oração por Portugal, pelos seus religiosos e a Igreja.

 

A Direção da CIRP